Crianças podem ter varizes?

Você sabia que crianças também podem ter varizes? Pois é, muita gente não sabe, por isso mesmo, resolvemos escrever esse artigo. Confira.

Muito comum em adultos de meia idade, idosos e gestantes, o que muito gente não sabe é que as varizes também podem surgir em crianças e adolescentes.

É preciso entender que as varizes nada mais são do que uma modificação daquelas veias que já existiam, aquelas veias azuladas. O que acontece, no entanto, é que algumas pessoas têm a parede dessas veias mais frágeis que, conforme o tempo vai passando, elas podem dilatar, ficando tortuosas. Enfim, as varizes nada mais são que veias fracas.

Causas das varizes em crianças e adolescentes

Já, as causas das veias se tornarem fracas podem ter explicação, principalmente, na genética e hereditariedade, ou seja, quem já tem tendência, com o tempo, vai desenvolvendo essas dilatações venosas

Hoje em dia, felizmente, elas podem ser tratadas com cremes para varizes, Varizero funciona muito bem, se você sofre com o problema, é um ótimo aliado.

Enfim, se um pai tem varizes, provavelmente, o filho terá, e se tanto o pai como a mãe tiverem o problema, aí então, as chances do filho ter são ainda maiores.

Mas, o estilo de vida pode influenciar, e muito, no desenvolvimento das varizes, por exemplo, sedentarismo e obesidade são fatores que podem despertar a genética ou a hereditariedade antes da hora.

Por isso, é muito importante praticar exercícios físicos, manter o peso e levar uma vida mais saudável possível.

Como surgem as varizes

Infelizmente, as crianças e adolescentes não estão livres desse mal, e quando as varizes surgem ainda na adolescência, a causa é, geralmente, a oscilação hormonal.

Assim sendo, tanto o menino ou menina ao entrar na puberdade, podem se deparar com o problema, que fora o estético, nessa idade não apresenta riscos de complicações.

Porém, mesmo não havendo risco de complicações, é preciso que os pais tenham a consciência de que quanto mais cedo tratar, melhores serão os resultados. Hoje já é possível tratar as varizes sem cirurgia e com ótimos resultados.

Isso sem falar no lado psicológico, já que essa fase é muito importante para o desenvolvimento da autoestima.

Por isso, é fundamental os pais se atentarem para um estilo de vida mais saudável, fugindo do consumo excessivo de doces, refrigerantes e fast-food, e praticando exercícios, sendo os mais indicados para quem quer prevenir as varizes: caminhar, correr e pedalar, enfim, atividades simples que podem ser praticadas por qualquer pessoa e em qualquer idade.

Prevenir o problema, através de hábitos saudáveis, como uma alimentação balanceada e o tratamento precoce são fundamentais para garantir a saúde e a beleza das pernas na vida adulta.

Enfim, é fundamental que os pais, ao identificarem qualquer anormalidade nas veias dos filhos, buscar o quanto antes uma avaliação médica para tentar tratar o problema e identificar a causa, descartando, assim, a possibilidade de ser um hemangioma ou má formação vascular.